Breno Ruiz e Roberto Leão convidam Renato Braz e Mario Gil - SAB 21/05  (abertura da casa 20h)
Breno Ruiz e Roberto Leão convidam Renato Braz e Mario Gil - SAB 21/05 (abertura da casa 20h)
  • Sáb 21 de Mai
  • 22:00
  • Casa de Francisca
    Rua Quintino Bocaiúva, 22, 01004-010, Sé, São Paulo, SP
Descrição do evento

SÁBADO 21 MAIO 22h
. ARQUIBANCADA/MEZANINO - show R$62
. MESAS (show + acepipes + jantar) R$142*
Bebidas, sobremesas e serviços não incluídos.
(horário de abertura da casa 20h)
>> confira nosso menu

“Alegria” é uma homenagem do português Roberto Leão e do brasileiro Breno Ruiz a 100 anos de música brasileira: de Heitor Villa-Lobos a Tom Jobim e Dori Caymmi à geração atual de compositores. Fala pela poesia de Paulo César Pinheiro, Vinicius de Moraes, Dolores Duran e Nelson Motta. Fala da alegria da beleza. Da consolação da beleza. Dos dias com dores e festejos, com pequenas eternidades e interrupções. De um Brasil que, pela arte, ajuda o mundo a viver.

"Pensei por muito tempo que a melancolia brasileira era meio sem inverno. Uma melancolia de pura contemplação, como a síndome de Stendhal aplicada ao sol, à paisagem natural e humana de um país. Seria uma melancolia pela demasia, como se amar exagerasse, a beleza exagerasse. Depois, há a música, com esse filão de pura elegância onde cantar é intensidade em contenção. Na música o Brasil vai ao limite dessa impressão de fazer som a partir do diamante, cintilação de luz que usa sol e água, acende na noite e dentro e corta. Tudo na cultura brasileira matura na sua própria maravilha mas a música tem instantes inacreditáveis, julgo eu que por ser a preferida de Deus.

Lenta melancolia perfeita onde a voz se estende num fôlego virtuoso. Como dizia, intensa mas sem grito. O grito é todo educação, brio, uma disciplina espiritual. Esta música brasileira acontece como acontecem as revelações aos sábios do oriente, profunda meditação, conhecendo afinal o segredo do possível transcendente.

Há um inverno na melancolia brasileira, sim, talvez mais seco mas surpreendentemente frio. Não é uma estação à altura de todos. Abre no calendário apenas daqueles que acolhem os abalos mais puros. Tão bela voz de Roberto Leão, tão belo piano de Breno Ruiz, esses compositores sagrados, é tão evidente que a melancolia brasileira é uma prece”. 

Valter Hugo Mãe


MANTENEDORES 

Para usufruirem da retribuição, basta digitar um dos cupons abaixo (seguido do número de ingressos que seu plano tem direito), antes de finalizarem a reserva.


AVANTE1

AVANTE2

AVANTE3

AVANTE4


Válido somente para os planos:
“Sí, se puede” (R$80): 1 ingresso / mês
“Adelante” (R$125):  1 ingresso / mês
“De Mãe pra filha” (R$260): 2 ingressos / mês 
M(e)norme” (R$800): 4 ingressos / mês


Pessoal e intransferível; proporcional a quantidade de meses apoiado.


Dúvidas ou informações: reservas@casadefrancisca.art.br